Tarsia – O Reino de Harmonia, de Sherla M. Silva [RESENHA]

Título: Tarsia  – O Reino de Harmonia

Autora: Sherla M. Silva

Páginas: 293

Ano: 2017

Editora: Arwen

 

Sinopse

Toda a perspectiva de realidade de quatro jovens muda quando cada um deles encontra um colar misterioso. Imediatamente eles se sentem atraídos pelos colares e pela força que deles emana. O que eles não imaginavam era que cada joia detinha um poder dos quatro elementos, e que tais poderes eram ainda mais fortes quando unidos. Assim que os amigos juntam as partes dos colares são levados a um mundo fantástico onde tudo é possível: Tarsia. Logo percebem que são os escolhidos para cumprir a missão de restaurar a harmonia deste reino mágico do qual são descendentes. Os jovens embarcam em uma grande aventura, travando uma épica luta do bem contra o mal, onde os conflitos misturam-se à magia e grandes revelações num cenário de incertezas, luta pelo poder e caos. Quatro amigos, quatro colares, um mundo extraordinário regido pelos elementos da natureza e uma emocionante história.

Skoob | Arwen

 

Resumo

Rysa, Aysha, Raja e Liam são quatro amigos que iniciam seu dia com estranhos acontecimentos e em cada um destes momentos eles encontram um colar com desenhos diferentes, mas com formas semelhantes. Cada colar tem a representação de um elemento da natureza: água, vento, terra e fogo.

Ao decidirem unir estes colares os quatro amigos são levados a Tarsia, um mundo repleto de seres místicos como fadas, dragões, centauros e sereias. Descobrem que não pararam ali sem querer. Os colares foram enviados para eles em nosso mundo para que pudessem chegar a Tarsia e salvá-la do mal.

Cada um precisa encontrar o seu reino em Tarsia e tomar seu trono de direito, mas terão que enfrentar diversos desafios muito perigosos ao longo do caminho. Ao mesmo tempo conhecerão criaturas incríveis, farão amizades e despertarão a ira de quem deseja o lugar desses amigos.

 

Minhas Conclusões sobre Tarsia

O mundo e a história criada por Sherla é completamente fantástico e cheio de criaturas magníficas que já conhecemos. Usando um narrador externo contando a história, ela nos dá a visão de detalhes do ambiente e da personalidade de cada personagem.

Em alguns momentos senti a leitura um pouco cansativa e forçada, mas diversos ensinamentos sobre amizade, confiança em si mesmo e fé são expostos ao leitor de forma a nos levar a refletir sobre cada situação.

Os personagens são jovens e seus defeitos são o que carregam a trama e o desfecho do livro. Ora eu me apegava ao personagem, em outros momentos não acreditava em quão cego os personagens estavam. Porém, de todos o que mais me identifiquei foi com o Raja. O mais centrado do grupo e aparentemente o menos vulnerável, mantendo assim a harmonia sempre que possível. Liam também é um garoto muito bom, porém sua insegurança acaba afetando seu senso de julgamento e faz com que ele perca o foco do seu objetivo. Isso já me leva a Aisha, que foi a personagem que menos me apeguei justamente porque a todo momento ela “corta” o Liam e acredito que isso apenas ajudava a intensificar o senso de insegurança do garoto. Ela não é uma personagem ruim, porém este foi o ponto da personalidade dela que mais se destacou para mim. E por fim, e não menos importante, Rysa,  que tem um coração puro, porém seu medo de tudo e do mundo a impedem de encarar os obstáculos cara a cara.

Agora o que dizer dessa capa? Para os amantes de capas bem trabalhadas Tarsia jamais vai deixar a desejar. Deixa um ar de mistério e fantasia que ajuda a instigar a leitura.

Para quem curte o gênero de fantasia Tarsia é uma ótima opção. Achei a leitura um pouco cansativa, mas não duvido que isso se dê ao fato de que faz um bom tempo que não leio fantasia.

 

Participe!

Espero que tenha gostado da resenha. Se gostou do livro e quer conhecê-lo melhor, você pode adquirir nos links abaixo da sinopse. Deixe nos comentários a sua opinião e contribua com crescimento do blog, agregando sua visão sobre a história.

Livros precisam ser lidos, relidos e discutidos.

Aproveite e assine o nosso BOLETIM, localizado na lateral do site e fique por dentro das novidades aqui do blog. Não se esqueça de conferir a nossa resenha Vítimas da Sociedade, de Dan Folter.

Um abraço e até o próximo post. 😉

 

Escrito por: Taísa Ferreira Dias

© 2017, www.salaliteraria.com.br. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *