O Tempo que For Necessário, de Ellen Savvy [RESENHA]

Título: O Tempo que For Necessário

Autora: Ellen Savvy

Páginas: 371

Ano: 2016

“Ao perceber que eu havia entrado na sala, Sr. Nichols virou-se em minha direção e cada frase que havia estudado para a reunião, cada argumento de negócio que tinha preparado, cada ideia que havia construído para defender a ALLURE se perderam. Entrei em choque e a pasta de papéis que tinha nas mãos foi ao chão, enquanto só pude balbuciar uma coisa.

– Jul…”

Sinopse

Você acredita que o tempo pode curar as feridas e trazer de volta um grande amor?
Alicia que é uma das executivas de maior ascensão do mundo da moda e beleza, depois de um dia estressante de trabalho vai parar em um bar, onde conhece Julian.
O que ela não sabia é que Julian não era simplesmente um homem atraente que ela tinha encontrado ao acaso e entregar seu coração para ele passou a se tornar cada vez mais difícil. Mesmo assim ela é vencida pelo sentimento e eles se deixam levar pela paixão crescente. Mas são pegos pela armadilha do destino, que os separa.
Com dois protagonistas igualmente maduros, Julian, um homem apaixonado e Alicia, uma mulher forte, mostram que no amor, é preciso saber quando insistir e quando recuar. Mesmo assim, quando o amor é verdadeiro, tudo vale a pena. E Julian fará de tudo para reconquistá-la.
O tempo que for necessário é um romance sensual que vai te fazer rir, chorar e amar junto com os protagonistas.

 

Resumo

Alícia é uma mulher poderosa que lidera a empresa ALLURE, que faz parte do grupo G.D.E. Apesar de sua empresa representar bons lucros para o grupo, por não fazer parte do mesmo segmento há a possibilidade da ALLURE ser dividida e vendida. Alícia está focada em convencer o dono a não vender a empresa e dar uma chance para que ela possa mostrar que a ALLURE é tão importante quanto qualquer outra empresa do grupo. Mas o que torna isso ainda mais difícil é que agora o dono da G.D.E. está se afastando do cargo deixando um novo representante em seu lugar, e Alícia teme estar jogando em um campo desconhecido.

Em meio a essa confusão, ela conhece um estranho em um bar, onde se encontrava a fim de esperar a tempestade daquele dia passar. Este estranho era lindo, charmoso e educado, e usou o velho truque de oferecer uma bebida para ganhar a atenção de Alícia. Apesar de ser difícil resistir à presença daquele homem, ela não queria se envolver, não enquanto estava passando por aquele momento difícil na empresa. Mas Julian era irresistível.

Porém o destino é imprevisível e conspira a todo momento para que seus caminhos se cruzarem. E se a situação estava complicada para Alícia antes na empresa, após descobrir quem irá substituir o dono da G.D.E. deixará a situação ainda mais delicada. Já sabe quem é?

 

Minha Opinião Sobre O Tempo que For Necessário

Tem um tempinho que resenhei o livro Místicos da mesma autora, Ellen Savvy, e quem leu a resenha sabe o quanto eu amei o livro e a escrita da autora. Quando vi que leria outro livro dela, através do projeto Traduzindo Palavras, fiquei super empolgada!

Diferente do livro Místicos, que tem uma pegada com mais fantasia, o livro O Tempo que For Necessário é bem mais pé no chão. O casal protagonista dessa estória é bem resolvido e são maduros em relação aos seus sentimentos. Não misturam as coisas e são totalmente profissionais quando precisam ser. Me identifiquei muito com a Alícia. Ela é uma mulher decidida e batalhadora, que sabe intermediar o que é bom para ela, para a empresa e para sua equipe. Ela não vê os trabalhadores como simples funcionários, que podem ser descartados a qualquer momento. Ela vê a importância de cada um deles para o crescimento da empresa que ela comanda há muitos anos. Julian não é o típico CEO dominador e que sufoca a personagem com seus traumas. Ele respeita os limites dela, vive intensamente e em harmonia, o amor que nasce entre os dois.

A autora trouxe uma história de amor linda e dentro da realidade. Todas as cenas são tão bem elaboradas, deixando muito envolvida e imersa no livro a ponto de me ver em cada cena. Sabe que daria uma boa adaptação? O sentimento construído pela autora entre os dois personagens é lindo e harmonioso. O sofrimento dos personagens em parte da estória é doloroso até mesmo para quem lê. A estória contada é viva, parece muito real.

A escrita da autora é leve, e apesar de ser uma linda história de amor, não recomendo para menores, pois contém cenas inapropriadas para determinadas idades. Fica a dica!  😉 

Enfim, só tenho elogios para esse livro. Amei a estória, amei a escrita da autora, amei os personagens e amei a forma como ela construiu o relacionamento desses personagens.

Participe!

Esse foi o sexto livro resenhado através do projeto Resenhando Nacionais, do Traduzindo Palavras e espero que tenha gostado da resenha. Se ficou curioso, compre o livro e ajude a divulgar nossos autores nacionais. Deixe nos comentários a sua opinião e contribua com crescimento do blog, agregando sua visão sobre a história.

Livros precisam ser lidos, relidos e discutidos.

Aproveite e assine o nosso BOLETIM, localizado na lateral do site e fique por dentro das novidades aqui do blog. Não se esqueça de conferir nossa última resenha dos contos Sutilmente, Imersão e Caleidoscópio, de Nina Spim.

Um abraço e até o próximo post. 😉

Escrito por: Taísa Ferreira Dias

 

© 2017, www.salaliteraria.com.br. Todos os direitos reservados.

One thought on “O Tempo que For Necessário, de Ellen Savvy [RESENHA]

  1. Muito Obrigada pela resenha e estou muito feliz que tenha gostado do livro. A opinião de vocês queridas blogueiras é sempre muito importante para mim. bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *