O Beijo da Morte – Sob a Luz das Galáxias #1, de Judie Castilho [RESENHA]



Título: O Beijo da Morte – Sob a Luz das Galaxias #1

Autora: Judie Castilho

Páginas: 478

Editora: Chiado

Ano: 2016

 

 

“Esse era o melhor presente de aniversário que ela podia receber. Uma coisa gelada encostando em sua pele, porém, transformou suas lágrimas novamente em lágrimas de tristeza. De que adiantaria que Benjamin a amasse, se ela nunca poderia tê-lo… O melhor presente que poderia receber, na verdade, nunca receberia.

 

Sinopse

Uma surpreendente viagem a uma galáxia distante, num triângulo amoroso diferente de tudo o que você já viu. 

Uma mulher audaciosa, disposta a tudo por amor. 
Um homem poderoso, capaz de matá-la apenas com um beijo.
Um jovem apaixonado, tentando conquistar seu espaço no coração da mulher que ama.
Um povo cruel, que não tem limites em sua luta pelo poder.
A paz entre os planetas ameaçada, como nunca antes…
E o amor pode se tornar a arma perfeita para uma guerra intergaláctica.
Quando a paz no universo está ameaçada, um amor impossível pode se tornar uma poderosa arma nas mãos inimigas.
Haysla e sua amiga, Violyt, estão iniciando uma nova fase em suas vidas. 
Depois de passarem muitos anos na Terra, enfim chegou o dia pelo qual elas tanto esperaram! Elas estão completando 17 anos e ingressando na Academia Frantila, a escola mais prestigiada e disputada do universo.  
Mas as coisas não serão fáceis para elas…
A União Universal e seus 16 planetas aliados acreditam estar cada vez mais unidos e poderosos. Porém, uma grande conspiração intergaláctica está se formando. Seus planetas inimigos não querem mais viver à margem do universo. Eles estão em busca de poder e de um elixir que lhes garanta uma longa vida. 
Para complicar ainda mais as coisas, Haysla está vivendo um peculiar triângulo amoroso. 
De um lado, um amor leve, divertido, tranquilo… Possível.
De outro lado, um amor ardente, avassalador, compulsivo… Mas impossível.
E para viver este amor, Haysla não temerá consequências, e pode colocar todo o universo em sérios apuros.

Resumo

Haysla e Violyt acabam de chegar à Academia Frantila, onde irão estudar. Apesar de terem morado a vida toda na Terra, elas são descendentes de seres de outros planetas e agora vão estudar em uma escola própria.

Haysla é filha da Vryan Rhieavatre, o presidente da União Universal (Uni Uni), mas detesta ser lembrada por essa razão. Quando morava na Terra, tanto Haysla quanto Violyt eram o centro das atenções, devido as suas características marcantes que a diferiam das terráqueas. Elas possuiam uma beleza sem igual, de encher os olhos. Agora na nova escola, onde encontrarão alunos de diversos outros planetas, com beleza tão singular quanto a delas, Haysla e Violyt se sentem com medo de não serem bem aceitas. Mas logo as duas amigas percebem que não será tão diferente assim, principalmente para Haysla, que gosta de ser o centro das atenções.

Logo que chegam à escola, se deparam com um rapaz cuja beleza indescritível, mas um incidente ocorre e Haysla acaba comprando briga com ele, Benjamin Thriskow. Pouco depois ela descobre que na verdade este rapaz é seu professor, Ministro da Uni Uni e amigo de seu pai.

Mesmo com aquele incidente ocorrido com os dois, eles acabam se aproximando e descobrindo uma enorme paixão. Porém este romance tem uma enorme barreira que não pode ser quebrada. Benjamin Thriskow é um Klyso, o que significa que ele tem um veneno que pode levar à morte àquele que tiver intolerância e o organismo de Haysla é intolerante a este veneno, o que significa que ela não pode se relacionar com o professor.

Sabendo que não podem se aproximar, Haysla tenta seguir sua vida e dá uma chance para Keynel, um garoto lindo, educado, romântico e apaixonado por Haysla. Mas apesar de tudo os sentimentos de Haysla por Benjamin insistem em atormentá-la.

Será que Haysla poderá se apaixonar por Keynel e esquecer Benjamin? Poderá Haysla e Benjamin resistirem a este amor e se separarem para não correr o risco de algo acontecer com Haysla?

Com tantos conflitos em sua vida, Haysla ainda precisa ficar atenta, pois uma guerra está contecendo, onde gafanhotos (povos que não se uniram à Uni Uni) tentam invadir os planetas aliados e, como Haysla é filha do presidente, ela corre grande risco de ser atacada.

 

Minha Opinião Sobre O Beijos da Morte – Sob a Luz das Galáxias

Essa é uma das resenhas mais difíceis de fazer na minha vida! Por que? Porque nossa querida parceira criou todo um universo que se eu fosse explicar para vocês aqui, ficaria o dia todo escrevendo. É universo amplo abrangendo diversos planetas, um sistema de gestão destes planetas, as características dos povos de cada planeta, etc. É muita coisa, muita informação nova, que além de ficar muito extenso para descrever aqui, ainda tiraria a graça do livro se eu contasse para vocês. Acho que ninguém melhor para explicar sobre este universo do que a própria autora. Se você gosta de livros com universos grandes e complexos, tenho certeza que vai adorar.

Haysla é uma personagem que não me cativou muito, principalmente no início. Ela me pareceu impulsiva e até mesmo mimada. Ela não aceitava ser contrariada e sempre deseja ser o centro das atenções. Mas à medida que a estória foi acontecendo, vi que Haysla não era de todo mal. Ela tem seus defeitos, mas também tem suas qualidades. Ela não é uma pessoa ruim, é uma boa amiga e filha. O que me deixa um pouco chateada com a personagem é que ela mantém um relacionamento com Keynel, mesmo amando Benjamin. Sei que o amor deles é impossível, mas me parece injusto com Keynel que ama tanto a Haysla. Mas até o final do livro, a personagem se desenvolve muito e aprende boas lições com suas atitudes.

A personagem que mais me cativou foi a Violyt (acho que me identifiquei mais com ela). A Violyt é tímida, mais reservada e bem mais sensata (rsrsrs). Ela e Haysla tem uma amizade tão grande que é como se as duas fossem uma só. A união das duas é muito bonita e forte, e uma acaba equilibrando a outra no que lhe falta.

Não se engane achando que este é um livro que simplesmente fala do romance impossível de Haysla e Benjamin, pois não é. Em meio a descoberta dessa paixão pelos dois, há uma guerra acontecendo entre os planetas aliados com os gafanhotos. Claro que não vou contar aqui, mas posso dizer que essa guerra rendeu boas cenas ao livro que me deixaram curiosa para saber como isso afetará os próximos livros. Sim, há mais livros vindo por aí!

A capa do livro é linda! Dá até vontade de emoldurar e colocar na parede como quadro! 😆  Simplesmente amei! A escrita da autora é leve e fluída. Recomendo este livro para quem gosta de cenários bem estruturados, com uma visão diferente do mundo, com uma realidade diferente, e com personagens com características bem marcantes.

 

Participe!

Espero que tenha gostado da resenha. Se quiser conhecer mais a autora, fizemos um cantinho especial para ela aqui no blog. Se ficou curioso, compre o livro (aqui, aqui ou aqui) e ajude a divulgar nossos autores nacionais. Deixe nos comentários a sua opinião e contribua com crescimento do blog, agregando sua visão sobre a história.

Livros precisam ser lidos, relidos e discutidos.

Aproveite e assine o nosso BOLETIM, localizado na lateral do site e fique por dentro das novidades aqui do blog. Não se esqueça de conferir nossa última resenha do livro Um Amor de Recomeço, de Lívia Lorena.

Um abraço e até o próximo post. 😉

Escrito por: Taísa Ferreira Dias



© 2017, www.salaliteraria.com.br. Todos os direitos reservados.

2 thoughts on “O Beijo da Morte – Sob a Luz das Galáxias #1, de Judie Castilho [RESENHA]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *