A Outra face, de Sidney Sheldon [Resenha]



Título: A Outra Face

Editora: Record

Ano: 2013

Páginas: 239

Autor: Sidney Sheldon

Resumo

Judd Stevens é um psicanalista reconhecido e famoso, que é suspeito nos assassinatos de John Hanson, um de seus pacientes e de sua secretaria, Carol Roberts. O tenente McGreavy e o detetive Angeli suspeitam que o famoso psicanalista esteja envolvido com o assassinato de ambos e para tornar a situação ainda pior McGreavy parece querer incriminar o médico de todas as formas e Judd se lembra que a anos atrás foi o psicanalista responsável pela liberação do assassino do parceiro de McGreavy, diagnosticando-o com insanidade mental e encaminhando-o para um asilo de doentes mentais, escapando assim da pena de norte.

Mas os assassinatos não param em John Hanson e Carol Roberts. Judd sofre várias tentativas de assassinato levando-o a crer que o alvo sempre foi ele. Com as suspeitas de McGreavy, Judd se vê sozinho e busca encontrar o verdadeiro assassino sem ajuda da polícia. Apenas Angeli que demonstra acreditar em Judd mesmo com todas as provas apontando para ele.

Judd passa horas em seu escritório revendo as gravações de suas consultas, suspeitando que seja um de seus pacientes que possa ter cometido os assassinatos. Ao longo de sua busca ele percebe que sem ajuda não pode encontrar o responsável e contrata um detetive particular, Norman Moody, mas estranhamente também é assassinado após ligar para Judd e lhe contar que descobriu quem era o assassino.

Mas a morte de Moody não impede Judd de buscar mais informações e descobrir quem está querendo mata-lo. Mas essa busca pode leva-lo ao fim.

Crítica

Sidney Sheldon é autor de vários livros de suspense e todos sempre nos surpreendem e tiram o nosso fôlego. Durante a leitura, o autor nos faz pensar nas possibilidades de solução dos casos, mas sempre nos deparamos com um final que nos deixa de boca aberta.

A Outra face é um suspense que nos enche de emoção desde o início. A trama que envolve os personagens nos faz acreditar em uma verdade, mas nos questiona o tempo todo se nossas suspeitas são realmente verdadeiras e se o verdadeiro assassino não está exatamente em baixo do nosso nariz.

Um livro que recomendo para aqueles que querem emoção e ter a sensação de que faz parte da história.

Escrito por: Taísa Ferreira Dias



© 2016 – 2017, www.salaliteraria.com.br. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *